Revista TH Junho-Julho 2019

A Revista Oficial da Terapia Holística • 13 O homem tem que ter o domínio de seus ritmos orgânicos, tem que conscientizar ‘peça por peça’ do seu corpo (como um artesão que produz o seu artesanato com amor), não pode vacilar nesta gestão. Deve saber ligar-se e desligar-se. Saberdormir, comer, lavar-se, comprazer- se, porque isso, além de trazer-lhe bem-estar físico, confere-lhe sabedoria (estágio máximo do conhecimento, que não necessita de anuência de alguma instituição jurídica). Se atentarmos bem, verificamos que o objetivo da vida não é eternizar ninguém na dimensão física, nem fazer corpos perfeitos, mas aperfeiçoar o espírito. Quando se fala em desequilíbrio energético, fala-se do espírito, na mente, na consciência com seus estados de desequilíbrios. Quando se fala em ‘enfermidade’, fala-se de corpo, na matéria (matéria orgânica e inorgânica que institui o espírito). Quando alguém se preocupa com o corpo-mente, crê-se que a preocupação é com a instituição do ser humano, com a individualidade, sua cultura e não visa fazer instituir somente a ‘vida’ prolongada dentro do corpo, mas enquanto o espírito estiver no corpo, viva melhor, sem que o corpo o limite, maltrate, sofra e inutilize para obtenção de muita energia positiva. Crê-se que o objetivo é que o ser humano seja feliz, dentro das limitações impostas pela vida que existe sobre a Terra. O Coaching é integralmente uma Técnica Holística para o Empreendimento do Ser Humano podendo seguir duas vertentes: O Pessoal e o de Negócios. O argumento do adversário transcrito em uma informação através de meios que utilizam a tecnologia, passa ao consultante um conhecimento que fará com que este se perceba como agente mobilizador das habilidades e aproximações do entendimento do próprio Sagrado. O conhecimento e o sistema de crenças não são na realidade, parte de nosso conhecimento linguístico, mas desempenham um papel fundamental em como entendemos o idioma no uso real fazendo parte do CAV (Ciclo de Aprendizagem Vivencial). Quandousamos informaçãoatravés dos conceitos ou crenças para interpretar um enunciado, vamos mais além da forma linguística do dito enunciado, estamos avaliando e interpretando em razão da aprovação das ideias que se expressam o modo em que se estão utilizando dentro do contexto social no qual ocorre. A percepção, os sentimentos e comportamentos expostos na arte de liderar o CAV reconfiguram as maneiras de viver para não gerar a dependência e “esperança”, mas sim desenvolver a liberdade de expressão, para construir o desenvolvimento com o consenso do grupo/equipe e ou coletividade. Jerônimo Moreira de Oliveira Terapeuta Holístico - CRT 37494 atua com Psicoterapia Holística e Terapia Corporal e é palestrante do Holística. jeronimomoreira@terapeutaholistico.com.br

RkJQdWJsaXNoZXIy MTUyMjQy